PRODUÇÃO DE VÍDEO

Produza vídeo com estética e qualidade cinematográfica

Esse curso e voltado a quem deseja aprender a produzir vídeos abrangendo todas as etapas do processo de produção, desde o planejamento (pré produção), gravação até a pós produção.

Dividido em dois módulos, baseia-se no fluxo de trabalho das grandes produções cinematográficas, onde a captação e a edição são planejadas de forma simultânea. Fornece os conhecimentos necessários a produção de vídeos e filmes com alto nível de qualidade técnicas e artística, instruindo no domínio de técnicas fotografia e de filmagem, conceitos de direção, montagem, edição, efeitos visuais (VFX), colorização e finalização.

Capacita o aluno tanto para integrar uma equipe quanto para atuar como Videomaker, produzindo peças audiovisuais para as mais variadas finalidades e gêneros tais como: videoclipes, filmes (longas e curtas metragens, series e novelas), documentários, vídeos jornalísticos, corporativos e publicitários, vídeos sociais (casamentos, formaturas e festas), vídeos para Youtube etc.

Veja abaixo o CONTEÚDO PROGRAMÁTICO do curso.

Próxima Turma:

Início: 07/02/2018

Quartas-feiras das 19 às 22 h.

CARGA HORÁRIA: 48 horas
DURAÇÃO:4 meses

Este curso não está disponível
na modalidade individual.

Conteúdo Programático

A Linguagem Cinematográfica

Produzir um filme impactante, surpreender, utilizar sons e imagens para contar uma história de forma a sensibilizar, mobilizar e transformar as pessoas é o que todo cineasta ou videomaker deseja. No entanto, produzir vídeos de qualidade envolve muito planejamento e cuidados com todos os detalhes e dependem do domínio de um amplo conjunto de conhecimentos específicos aplicados a cada etapa do trabalho e que iram influenciar no resultado final.

A linguagem cinematográfica consiste em produzir peças audiovisuais que atendam a critérios técnicos e estéticos, mas principalmente que tenham o poder de envolver e emocionar o expectador com a mensagem ou a história que deseja contar.

 

Módulo I – Produção: Captação e cinematografia

5D-(7)

A crescente evolução tecnológica e a popularização das câmeras digitais revolucionaram a indústria de produção de vídeo, isso porque as imagens que elas fornecem, pela sua qualidade e pelas suas opções óticas, possuem características que se assemelham as imagens obtidas por uma câmera de cinema, mas a um custo muito mais baixo, colocando à mão de produtores e videomakers recursos para desenvolver projetos audiovisuais com alto nível de qualidade técnica e artística.

Por essas propriedades, essas câmeras tem sido largamente empregadas em toda a indústria cinematográfica, inclusive em grandes produções de filmes de Hollywood, seriados, novelas, documentários e produções publicitarias, mas também  possibilitam que mesmo produções de baixo orçamento, como curtas metragem ou um vídeo de casamento, possa se tornar uma verdadeira produção cinematográfica.

Usar uma câmera fotográfica como uma câmera de cinema, não só fornece imagens de alta resolução, mas também permite alternativas estéticas e o emprego de técnicas cinematográficas de filmagem, transformando o videomaker em um verdadeiro diretor de fotografia, no entanto, tais possibilidades criativas exigem sua operação em modo totalmente manual e conhecimento fluido e consciente das suas funcionalidades, propriedades e limitações.

Tendo como foco imprimir a estética do cinema como linguagem, esse módulo instrui no uso mais eficiente de câmeras digitais visando obter a máxima qualidade de imagem a partir da sua parametrização precisa, explanando técnicas de filmagem e iluminação, opões óticas, movimentação e estabilização de câmera, composição de planos e enquadramentos, marcação de foco, uso criativo e narrativo da luz, das cores e da profundidade de campo, sincronismo e ritmo das imagens com a trilha sonoras e o sound design, além de cuidados com a captação e produção do áudio.

Ao longo do módulo também é feita uma explanação detalhada sobre tecnologias, marcas e modelos de equipamentos tais como câmeras, lentes e acessórios servindo de suporte tanto para operação pratica de equipamentos em um set de filmagem quanto para quem deseja adquirir seu próprio equipamento.

No escopo do curso também é avaliado o emprego de dispositivos de filmagem alternativos tais como celulares, drones  e câmeras de ação estilo GoPro.

Os principais temas abordados nesse módulo são:

  • Explanação detalhada de equipamentos como câmeras, lentes e acessórios
  • Parametrização precisa e configurações da câmera e equipamentos,
  • Fotografia: enquadramento e exposição correta
  • Planejamento para o set de filmagem (Bloking, direção de atores, movimentação de câmera, criatividade narrativa de ângulos e cenas)
  • Técnicas para movimentação e estabilização de câmera,
  • Técnicas básicas de iluminação,

cursos-capa2

Atividades práticas de captação empregando montagem de set de iluminação, ajustes de exposição com parametrização manual, enquadramento e movimentação de câmera.

 

Módulo II – Pós produção: Montagem e edição

IMG-20170307-WA0022

Montagem – A montagem é uma das etapas mais importantes na definição da linguagem e a forma como uma mensagem será transmitida; Uma boa edição pode não só valorizar o vídeo, mas é determinante no tom da narrativa e no impacto que o vídeo pode causar. Esse módulo explana de forma pratica e objetiva o Adobe Premiere como ferramenta de edição e o fluxo de trabalho em um processo de montagem incluindo:  Decupagem, corte, ferramentas de transição e mascaramento,  CG para títulos, legendas e créditos e saída para mídias diversas tais como Youtube, Broadcast, RAW (cinema e publicidade) etc. São ainda pautadas técnicas e referencias estéticos de montagem, a importância do som e da escolha da trilha sonora, sincronismo, ritmo, sound design e mixagem de som.

Colorização – A cor tem um papel fundamental na mensagem e nas sensações que o produtor deseja transmitir, o processo de colorização pode ser dividido em duas partes: a correção, que tem a função estritamente técnica, servindo para corrigir luz, cores e aspectos que vão ajudar na coesão das cenas e da peça como um todo e o color grading, que tem função artística e define, entre outras coisas, a identidade estética de coloração do filme, contribui efetivamente na narrativa do filme alterando aspectos de uma composição tais como transformar dia em noite, alterar a cor da pele de um personagem ou alterar a iluminação de uma cena. No curso o aluno aprende técnicas básicas de correção de cor e de color grading, ferramentas de colorização assim como a leitura dos scopes de colorimetria.

Efeitos visuais – Embora seja pouco utilizado no mercado brasileiro, na indústria do cinema os efeitos visuais são largamente utilizados tornando-se recursos imprescindíveis na narrativa de grande parte dos roteiros e muitas vezes sendo os agendes protagonistas de um filme. Nesse curso o aluno terá uma introdução ao After Effects (software mais usado na produção de efeitos visuais) além de aprender técnicas básicas para uso de Chomakey, rotoscopia, canal alpha, composição em camadas e integração com programas de 3D.

Os principais temas abordados nesse módulo são:

  • Ferramentas do Adobe Premiere
  • Decupagem, montagem e edição das cenas,
  • Edição em ambiente multi-camera
  • Criação de CG, motion effects e edição avançada
  • Utilização de efeitos especiais e integração com After Effects e Photoshop
  • Escolha correta de trilhas sonoras e sincronismo com as imagens
  • Criação de Sound Design e mixagem de som
  • Colorização: correção de cor e definições estéticas de coloração
  • Formatos de saída e compressão para finalidades diversas

ADOBE

Atividades práticas  em aula:

Montagem de um videoclipe empregando ambiente multicamera, usando transições e correção de cor, exercícios de colorização e definição estética, emprego de montagem com efeitos especiais e edição usando técnicas de chroma-key, recorte e mascaramento

Público Alvo

Abordando desde os princípios básicos de fotografia até as técnicas mais avançadas, esse curso não exige nenhum tipo de pre conhecimento técnico, sendo assim indicado tanto a iniciantes quanto a profissionais que desejam aprimorar seus conhecimentos, ensinando desde os primeiros passos na operação de ferramentas como câmeras, softwares de edição e plug ins.

Preciso ter algum pré conhecimento para fazer o curso?

O curso não exige do aluno nenhum tipo de pré conhecimento técnico tais como: Fotografia, equipamentos ou edição, todos os temas abordados são ensinados desde os fundamentos básicos, técnicas e operação de equipamentos e softwares e sempre através de uma linguagem objetiva e de fácil entendimento mesmo a iniciantes em tecnologia.

Preciso ter equipamentos para fazer o curso?

O aluno não precisa ter equipamento próprio para fazer o curso a escola fornece toda a infraestrutura para as atividades praticas desenvolvidas ao longo do curso, e ao longo das aulas  são feitas explanação sobre equipamentos fornecendo informações detalhadas acerca de câmeras, lentes, acessórios e montagem de hardware e softwares para ilhas de edição (computador para edição de vídeo), abordando características técnicas, relação custo benefício, marcas e modelos, compatibilidades e mercado, servindo de suporte tanto para a operação pratica em um set de filmagem quanto para quem deseja adquirir seu próprio equipamento.

Qual investimento para eu ter os equipamentos mínimos para começar a produzir vídeos?

Para captação de imagens é preciso ter no mínimo um kit com uma câmera de entrada e uma lente (investimento inicial de R$ 1.500,00). Para edição é preciso um computador Mac ou PC com configuração mínima processaor I5 ou I7, 8 RAM e unidade de armazenamento de 500 Gbytes.

Parte 1  – O que caracteriza uma produção com linguagem cinematográfica?

  • Controle da carga emocional através da imagem e dos sons
  • Planejando a produção e packing (empacotamento)
  • Etapas de uma produção: Desenvolvimento ideias e argumento, planejamento, roteiro e orçamento
  • Pré-produção, produção e pós produção
  • Dicas para obter referências técnicas e artísticas

Parte 2 – Câmeras (conhecendo equipamentos e sua relação custo benefício)

  • Qual câmera escolher ? tipos de câmeras e suas peculiaridades (handcam, camcorders, broadcast, câmeras de ação (GOPRO), câmeras de cinema e DSRLs
  • Filmagem com celular
  • Explanando a DSLR
  • Sensor CMOS ou CCD ?
  • Qual marca escolher ?
  • Lentes e opções óticas (lente fotográficas de cinematográficas)
  • Características técnicas a avaliar na hora da compra: Mega pixels, tamanho do sensor, resolução de saída, frame rate, desempenho em baixa iluminação, assistentes de filmagem
  • Resolução certa para cada projeto, HD, FULL HD, Ultra HD

Parte 3  – Compreendendo a luz e cores

  • A luz como fenômeno físico químico
  • A teoria das cores
  • padrões de cor aditivos e subtrativos
  • Padrão CMYK, RGB e RYB
  • Círculo cromático e sua relação nos processor de colorização
  • Compreendendo conceitos e parâmetros: Matiz, Brilho, luminosidade, valor e Croma
  • Resolução de profundidade de cor
  • Compreendendo as cores e sua relação psicossocial
  • Definição estética e narrativa através das cores
  • As cores para transmitir mensagens e sentimentos
  • Estudo da influência das cores e seus efeitos psicológicos e sociais
  • Uso de relações de cor: monocromáticas, análogas, tríades, complementares, complementares duplas etc.
  • Uso de contrastes e saturação
  • Luz e a temperatura de cor (escala kelvin)
  • Considerações no controle de temperatura e balanço de branco usando: iluminadores e gelatinas, parametrização da câmera e na pós produção, prós e contras
  • Definição de paleta de cores e definição estética do filme

Parte 4 – Fotometria

  • Dynamic range e latitude
  • Exposição: sub exposição e super exposição
  • Interpretando o fotômetro
  • Interpretando o Histograma
  • Usando exposição em high e low key

Parte 5 – Parametrização da câmera

  • Ajustando a câmera para modos manuais de controle
  • Resolução 720, 1080, 2,5K e 4K (quando usar e porque)
  • Entrelaçado e progressive scan
  • Conceito de Pull down
  • Taxa de quadros sua e correlação com o take e definições estéticas
  • Controlando o nível de exposição por relação espacial (aperture – F)
  • Entendendo a unidade “F” e sua relação com distancia focal
  • Abertura e sua relação com lentes
  • A abertura para controlar a luz
  • A abertura para controlar profundidade de campo
  • Uso de profundidade de campo para Looks cinematográficos e suporte narrativo
  • Calculando a profundidade de campo por Apps para celular
  • Controlando a exposição por relação temporal (Shutter speed)
  • Tipos de obturador (eletrônico e por persiana física)
  • Velocidade do obturador para ganhar nitidez e para produzir efeitos
  • Regra para arrasto típico cinematográfico
  • Controle de exposição pela sensibilidade do sensor (ISO)
  • ISO e suas implicações com qualidade
  • Minimizando problemas de ruído causado pelo ISO elevado
  • Balanço de branco
  • Presets e ajuste personalizado (Kelvin)
  • “Bater o branco” para ajuste preciso com a iluminação
  • Picture Style
  • Presets e suas aplicações
  • Criando Picture style personalizado: Sharpness, contrast, saturation e color tone
  • Technicolor cinestyle, neutro, Marvels cine e Vision Tech
  • Compreendendo especificações técnicas das câmeras

Parte 6 – Lentes

  • Classificação de lentes
  • Lentes fotográficas e cinematográficas
  • Lentes fixas (prime) e lentes zoom
  • entendendo recursos e especificações de lentes
  • Marcas e padrões de baionetas
  • Classificação por distancia focal
  • Lentes fish eye, angulares e grande angulares, normais e tele objetivas
  • Enquadramento e achatamento da imagem
  • Lentes e relação com tamanho do sensor
  • F-stop e Tstop
  • Lentes cinematográficas: IRIS manual e características

Parte 7 – Acessórios

  • tripés e cabeças hidráulicas e semi hidráulicas
  • Sliders
  • Rigs, Shouder e montagem de equipamentos
  • Steadycam e Gimbal
  • Dolly e truck
  • Gruas (Jibs)
  • Monitores de referência e view finder
  • Follow focus e marcação de foco manual

Parte 8 – Captação de áudio

  • Microfones (boom e lapela)
  • Transmissores e microfone de lapela
  • Gravadores de campo

Parte 9 -Iluminação

  • A importância da iluminação na qualidade e na narrativa do vídeo
  • Iluminação para suporte narrativo e estético
  • Iluminação natural e artificial
  • Iluminação cenográfica e out frame
  • Naturalismo e pictorismo
  • Escolha da temperatura de cor (3200K e 5500K day ligth)
  • Gelatinas: CTO, CTB, ND, fluorofilter, tough plusgreen e tough minusgreen
  • Iluminadores: LED, Fresnel, fluorescente e alógeno
  • Luz hard e difusa e suas aplicações
  • Técnicas de difusão: softbox, rebatedores e difusão por área
  • Técnicas de iluminação: High key, Low key, boton ligth, side ligth, contraste, contra luz e smoke
  • Uso de efeitos de cor com gelatinas
  • Técnica básica de 3 pontos
  • Iluminando para Chromakey

Parte 10 – O Trabalho de direção

  • câmera objetiva e subjetiva
  • Enquadramento, planos e suas nomenclaturas
  • Técnica plongee e contra plongee e suas aplicações
  • Regras de enquadramento
  • Simetria, regra dos terços e ratio Golden
  • Over shoulder, iluminação e posicionamento de atores
  • Eixo de câmera e ângulo holandês
  • Câmera na mão: Técnicas de estabilização de câmera
  • Movimentação de câmera: pan, tilt, truck, dolly e crane ou boom
  • Técnicas cinematográficas: travelling, whip pan, fast zoom close, trombone effect, travelling com paralaxe, plano sequência, misturar distancias focais para valorizar personagem e chroma-key

Parte 11 – Compressão e saída de arquivo

  • Fundamentos de compressão
  • Arquivos brutos (RAW)
  • CODECs finais para finalidades diversas DVD, Blu-ray, youtube, broadcast e cinema
  • Containers, whappers ou multiplicadores
  • Compressao intermediaria ProRess, DNxHD, JPEG2000, DPX, TIFF, cineform
  • Técnicas de compressão: color scan, sub amostragem (YCbCr)
  • Implicações da compressão: qualidade vs. fluidez vs. tamanho de arquivo
  • Configurando sua câmera: compressão H-264 Long GOP vs. ALL-I
  • A importância do MPEG (Moving Picture Experts Group)
  • Compressão de áudio
  • Parametrização dos softwares na hora de renderizar e formatos para cada tipo de saída

Parte 12 – Medias de armazenamento

  • Cartões SD e compact flash, como escolher
  • Velocidade de transferência
  • Classe e suporte para FULL HD e 4K
  • Armazenamento em SSD
  • Gravadores externos e conexão HDMI
  • O fluxo de trabalho em grandes produções (cinema, publicidade) Gravando arquivo RAW
  • A função do Logger

Parte 1 – Montando uma ilha de edição de vídeo

  • Plataformas Mac ou PC ?
  • Explanação das principais plataformas de edição: Adobe Premiere, Final Cut, Avid Media composer, resolv da vinci e Vegas Pro
  • Montagem de estacoes para edição de vídeo, GPU vs. processamento interno
  • Unidades de armazenamento, HDs, SSDs e HAID 0 e 1
  • Placas aceleradoras de vídeo marcas, modelos e especificações técnicas

Parte 2 – Introdução ao processo de montagem e os primeiros passos no Adobe Premiere

  • Entendo a interface do Adobe Première (Layouts e painéis)
  • Posicionando painéis e criando layout personalizado
  • Importando mídias para seu projeto
  • Project View configurações
  • Janela navegador de mídia
  • Filtros de pesquisa
  • Verificando propriedades da mídia
  • Conceito de sequência e de timeline e configuração da timeline
  • Conceito de clipes e de pistas
  • A janela Source e a janela View

Parte 3 – Configurando a janela view

  • Ajustes básicos: tamanho e qualidade
  • Navegando pela janela view
  • Inserindo marcadores
  • Edição na janela View
  • Exportando quadro

Parte 4 – Corte na janela Source

  • Definindo trechos e marcadores
  • Arrastando corte para a timeline
  • Extraindo frame e criando sub clipe

Parte 5 – Editando na timeline

  • Configurações da pista
  • Entendendo as ferramentas de edição
  • Seleção, seleção de avanço e retrocesso
  • Edição de ondulação e rolagem
  • Time strech
  • Ferramentas escorregar e deslizar
  • Ferramenta fatiar
  • Encaixar (Snap)
  • Seleção vinculada

Parte 6 – Motion

  • Controlando posição, escala e anchor point
  • Controlando opacidade
  • Rotação
  • Criando e editando mascaras
  • Modos de mesclagem

Parte 7 – Aplicando efeitos e transições

  • Janela efeitos
  • Compreendendo principais efeitos nativos
  • Aplicando efeitos pelo clipe e pelo source
  • Parâmetros dos efeitos (Janela controle de efeitos)
  • Inserindo transições
  • Configurando parâmetros de transição
  • Aplicando mascaras a efeitos

Parte 8 – Animação e conceitos de quadros chave

  • O que é quadro chave, ativando e inserindo quadros chaves em parâmetros
  • Animando motion, opacidade e efeitos
  • Editando por envelopes e a ferramenta Pen
  • Conceito de curvas belzier, editando envelopes
  • Copiando e colando quadros chave
  • Manipulando grupos de quadro chave

Parte 9 – Criando mídias e elementos na sequencia

  • Criando sólidos de cor fosca
  • Criando Textos e CG
  • Personalizando e Animando textos
  • Criando textos de rolagem e créditos
  • Criando vídeo preto e transparente
  • Criando referência de tom e contagem universal

Parte 10 – Trabalhando com múltiplas sequencias

  • Criando sequencia
  • Aninhando sequencias com clipes individuais ou agrupados
  • Agrupando clipes

Parte 11 – Trabalhando em ambiente multicamera

  • Sincronizando clipes e adicionando marcadores
  • sincronizando clipes independentes no multicamera
  • Criando clipe multicamera
  • Ativando multicamera na janela Programa
  • Gravando cortes em multicamera
  • Fazendo edições avançadas no corte multicamera
  • Editar videoclipe usando multicamera

Parte 12 – Colorização

  • Layout Lumetri
  • Fundamentos da colorização
  • Colorização no clipe e na mídia de origem
  • Exposição, temperatura de cor e tonalidade
  • Curvas RGB
  • Disco de cores e editor em 3 vias
  • HSL correção de cor secundaria
  • Vinheta
  • Técnicas para dar Look de cinema
  • Aumentando a faixa dinâmica
  • Corrigindo cor de pele
  • Corrigindo iluminação
  • Igualando cor para clipes diferentes
  • Criando camada de ajuste

Parte 13 – Otimizando o fluxo de edição e renderização

  • Decupagem
  • Criando Proxy
  • Convertendo origens em compressão intermediaria
  • Saída de arquivos formatos para finalidades diversas
  • Otimizando a relação tamanho-qualidade
  • arquivos para Youtube e streamming
  • Arquivos para Broadcast
  • Arquivos para pós-produção e colorização
  • Considerações finais e entrega de TCC (Projeto editado pelos alunos)

Receba mais informações e valores:

Informe também seu DDD. Ex: (11)#####.####
Informe também seu DDD. Ex: (11)####.####